segunda-feira, 21 de junho de 2010

Goleada para os almanaques

O incrível placar conquistado nesta segunda-feira pela seleção portuguesa diante dos norte-coreanos não foi simplesmente a maior goleada da história do país na competição.

Para o amigo leitor ter uma idéia da enorme façanha alcançada pelo time luso, o “7 x 0” imposto ao selecionado asiático é um resultado mais elástico do que qualquer uma das até aqui 66 vitórias brasileiras em Mundiais.

O maior placar de um triunfo verde e amarelo em Copas foi conquistado em 1950, em casa: 7 x 1 sobre a Suécia.

A goleada desta terça-feira entra para a história como a sétima vitória com maior saldo de gols de todas as Copas.

Somente superada por duas lavadas da Hungria (10 x 1 em El Salvador, em 82; e 9 x 0 na Coréia do Sul, em 54); um 9 x 0 da Iugoslávia diante do Zaire, em 74; um 8 x 0 do Uruguai sobre a Bolívia, em 50; outro 8 x 0 da Suécia, diante de Cuba, em 38; e um novo 8 x 0, mais recente, da Alemanha sobre a Arábia Saudita, em 2002.

E igualada pelas goleadas de Turquia e Uruguai, respectivamente sobre Coréia do Sul (como as Coréias gostam de levar goleada) e Escócia, ambas em 54.

2 comentários:

Denise disse...

E o 8 X 0 da Alemanha em cima da Arábia Saudita em 2002?
Abs, Dandam.

Thomaz Rafael disse...

Tem razão. Esqueci dessa vitória alemã. Obrigado. Vou arrumar. Abração!