domingo, 11 de julho de 2010

Seleção da Copa

Vi quase todos os jogos desta Copa e assim espero não cometer grandes injustiças na seleção que escalarei abaixo.

A minha seleção da Copa do Mundo de 2010! Com escalação baseada nas atuações individuais dos atletas, mas também no que cada um deles contribuiu coletivamente. Baseada ainda nos gols marcados, nos gols evitados, na entrega, superação, aplicação tática e importância para o resultado obtido por seus respectivos times.

Vamos então à seleção do blog Gols, Filmes e Canções!

Casillas (Espanha), Maicon (Brasil), Puyol (Espanha), Friedrich (Alemanha) e Van Bronckhorst (Holanda); Schweinsteiger (Alemanha), Iniesta (Espanha), Sneijder (Holanda) e Müller (Alemanha); Diego Forlan (Uruguai) e David Villa (Espanha)

Como o Mundial teve muitos outros destaques, resolvi escalar também um time reserva. Aí vai!

Stekelenburg (Holanda), Sergio Ramos (Espanha), Lugano (Uruguai), Mertesacker (Alemanha) e Coentrão (Portugal); Pérez (Uruguai), Boateng (Gana), Xavi (Espanha) e Ozil (Alemanha); Messi (Argentina) e Klose (Alemanha).

Gostaria de citar ainda o atacante ganês Gian, os brasileiros Lúcio, Luis Fabiano e Elano, o atacante alemão Podolsky, os atacantes holandeses Kuit e Robben, os argentinos Tevez e Higuain, o volante espanhol Busquets, o goleiro nigeriano Enyeama, o atacante mexicano Hernandez, o meia português Tiago e o meia americano Donovan, entre tantos outros grandes jogadores que não vieram à África a passeio.

5 comentários:

walt disse...

Bela escalação Tomaz, mais acho que falta um nome, Luiz Suarez, que mostrou como voce mesmo citou: "entrega, superação, aplicação tática e importância para o resultado obtido" e ainda é detentor da maior defesa da copa.
No mais parabéns a todos da transamerica pela bela cobertura.

roger disse...

é Walt vc tirou as palavras da minha boca o Soares pra mim foi quem proporcionou o momento mais emocionante dessa copa ao ficar parado na entrada do tunel que da acesso ao vestiario para ver Gyan desperdiçar a chance de levar Gana( e o continente africano todo a uma semifinal de copa do mundo), eu me emocionei com a vibração de Luiz Soares comerorar o penalty perdido como se fosse um gol.
E Thomaz claro que com tantos jogos e jogadores nós sempre esquecemos de alguém e eu acho que vc esqueceu de dois japoneses Endo e Honda, eu pelo menos fique surpreso com o futebol apresentado por eles.

fritadadigital disse...

a minha escalação seria:

Casillas

Fucile
Friedrich
Puyol
Özyl (isso mesmo, na esquerda)

Schweisteinger
Arevalo
Iniesta
Sneijder

Forlán
Villa

Raul disse...

Thomaz você montou um selecionado de respeito. O meu time é um pouquinho diferente e jogaria num esquema Brasil em 70, com um atacante de ofício e 4 meias criativos e um volante.

Casillas (Espanha), Lahm (Alemanha), Puyol (Espanha), Lúcio (Brasil) e Van Bronckhorst (Holanda); Schweinsteiger (Alemanha), Xavi (Espanha), Ozil (Alemanha), Iniesta (Espanha) e Müller (Alemanha); Diego Forlan (Uruguai)

Abs!
Raul Torres
www.nopiquedabola.com.br
www.twitter.com/nopiquedabola
www.youtube.com/blognopiquedabola

Futebol, cinema, etc! disse...

Bom, já que o assunto é a seleção da copa, aí vai meu post, se quiser conferir o blog: http://cinefutetc.blogspot.com/

Minha seleção da Copa

A copa acabou, agora a polêmica, nem tão polêmica, é sobre os melhores da Copa.Diego Forlan foi eleito o melhor jogador da Copa da África, Thomas Müller foi eleito a revelação e artilheiro (artilheiro graças as assistências, critériode desempate, já que não foi o único a terminar a competoção com 5 gols, e detalhe, ele finalizou 5 vezes a gol!), e Casillas foi o melhor goleiro.Bom, agora eu vou montar minha seleção da Copa:

No gol: Casillas (Espanha)
Lateral direito: Maicon (Brasil)
Zagueiro: Lúcio (Brasil)
Zagueiro: Puyol (Esapanha)
Lateral esquerdo: Van Bronckhorst (Holanda)
Volante: Xavi (Espanha)
Meio de campo: Sneijder (Holanda)
Meio de campo: Iniesta (Esapanha)
Ataque: Davi Villa (Espanha)
Ataque: Müller (Alemanha)
Ataque: Diego Forlan (Uruguai)

Técnico: Joachim Löw

Essa é minha escalação, tem um ou outro improviso, nada de absurdo, acho que esse time daria um futebol bem vistoso e forte, ainda mais no comando de um técnico que joga pro ataque, assim como Vincente Del Bosque, mas por ter demonstrado inteligência e boa percepção ao levar jovens grandes craques a Copa e ter levado a seleção desacreditada da Alemanha a Copa ele é o melhor técnico da Copa, na minha opinião, podem contraiar a vontade!
Alguns jogadores que foram bem mas não conseguiram lugar nesta seleção merecem ser citados, aí vão alguns destaques: Gyan (Gana), Donovan (EUA), Suárez (Uruguai), Özil (Alemanha), Robben (Holanda), Robinho (Brasil), Messi (Argentina), Eduardo (Portugal), Higuaín (Argentin), Tevez (Argentina), Klose (Alemanha), Podolski (Alemanha) e Schweinsteiger (Alemanha).

Meu destaque:

Nessa copa, como já disse, Forlan foi eleito o craque da Copa, não concordo, não que ele não tenha jogado bem, pelo contrário, foi muio bem, fez uma grande copa, mas em minha opinião Sneijder foi o grande nome da Copa, jogou muito, e merecia demais esse prêmio.Depois de grandes gerações a Holanda pode ter orgulho de ter um jogador excepcional como Seijder, que infelizmente não levou a copa, e dificilmente terá outra chance, uma pena, grandes jogadores assim deveriam ter uma copa em seu currículo, mas não é assim que funciona, o futebol não é justo.