terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Seleção "brasileira" dos gringos


Há alguns dias, um ouvinte enviou um e-mail ao Papo de Craque, solicitando que eu e os outros participantes do programa (acho que no dia, estavam comigo o Henrique, o Godói e o Carmona) escalássemos uma seleção com os maiores jogadores estrangeiros que já brilharam nos gramados do Brasil.

Lembramos então de alguns grandes craques do presente e do passado e acabei rabiscando a seguinte formação: Rodolfo Rodrigues (Uruguai - Santos); Arce (Paraguai - Grêmio e Palmeiras); Gamarra (Paraguai - Internacional e Corinthians); Dario Pereyra (Uruguai - São Paulo) e Sorín (Argentina - Cruzeiro); Hugo De Leon (Uruguai - Grêmio), Rincón (Colômbia - Palmeiras e Corinthians), Romerito (Paraguai - Fluminense) e Valdívia (Chile - Palmeiras); Tevez (Argentina - Corinthians) e D'Alessandro (Argentina - Internacional)



Dois lembretes, antes que alguém me chame de louco por excluir nomes como Pedro Rocha e Figueroa. Escalei apenas os atletas que vi jogar. E acompanho o futebol desde o início da década de 80, quando tinha 5 ou 6 anos.

E na relação dos times nos quais as estrelas de minha seleção jogaram, incluí apenas as equipes onde os atletas verdadeiramente brilharam. Por isso, não coloquei Corinthians após o nome do uruguaio De Leon ou Palmeiras após Dario Pereira e Gamarra.

O D'Alessandro entrou um pouco mais à frente, já que a concorrência no meio é forte (poderia avançar o Valdívia, mas achei interessante armar uma dupla de ataque argentina). Acho que a linha de defesa e a cabeça-de-área deste time imaginário são quase perfeitas. Posso estar esquecendo de outros grandes gringos que encantaram os torcedores brasileiros. Enfim, aguardo a seleção dos internautas.


4 comentários:

EDILSON VIEIRA disse...

Thomaz, boa tarde.
Você esqueceu que o Gamarra também vestiu o manto verde? Acho que fez de propósito.
Você não mencionou o craque Diego Lugano, que jogaria em qualquer time do mundo.
Boa matéria.
Abraços.

Guilherme N. disse...

Thomaz, nem vou entrar no mérito do goleiro até o meio campo... só faço questã de colocar esse D´alessandro (do Inter) no ataque, puta merda, o cara é rápido e tem um baita controle de bola... faz a gente esquecer nosso Carlito rapidinho.

Abraço (sabe qdo vc ganha de presente um carro véio pacas?? se não sabe se fica feliz pq é de gratis ou triste pq pensa que ele vai te deixar na mão qquer hora... to assim com o Ronaldo no Timão).

Thomaz Rafael disse...

Edilson, expliquei no texto que só coloquei os times onde os gringos realmente se destacaram. O Gamarra foi bem no Verdão, mas não fez história.

Guilherme, fique feliz. O Ronaldo foi uma ótima sacada da diretoria. Se ele jogar um pouquinho, vira ídolo da Fiel. Se se machucar, paciência. É um risco. Ele não é garoto e tem um passado de contusões. Mas hoje está ok, segundo o próprio Dr. Joaquim Grava. Abração!

Igor sausmikat disse...

thomaz,poderia incluir o molina não acha?pelo o que fez e pode fazer pelo o santos se ficar no time,mas uma menção honrosa pelo menos!!!
olha que o lugano também pode ser uma boa também,mas tem nomes na seleção sua que nem dá pra discutir!!!
abraço!